Dra. Adriana de Góes | Reprodução Humana SP Menu.
Reprodução Humana

Uretrite

Uretrite

A uretra é o canal, presente tanto nos homens como nas mulheres, que liga a bexiga ao meio externo do corpo humano. É pela uretra que passam a urina e o sêmen ao serem eliminados do corpo humano. A uretrite é uma inflamação da uretra, que pode ser causada por diversos fatores.

A uretrite, assim como outras infecções do trato genital, deve ser investigada, pois pode ser causada por infecções sexualmente transmissíveis (ISTs), sendo fundamental a prevenção.

Assim como outras afecções dos tratos genitais masculino e feminino, a uretrite não tratada pode levar à infertilidade.

Neste texto, vamos falar sobre as principais causas da doença, os sintomas e como são feitos o diagnóstico e o tratamento.

Causas e prevenção

Uretrite é um termo genérico utilizado para indicar uma infecção que acomete o canal da uretra. Essa infecção pode ser causada por diversos agentes, como bactérias, fungos e vírus.

A uretrite não é uma IST, mas pode ser causada por agentes transmitidos via contato sexual (vaginal, anal e oral). Os mesmos agentes que causam a infecção da uretra podem acometer a faringe e o ânus, por exemplo, assim como outros órgãos, mas, nesse caso, a infecção não é considerada uma uretrite.

Como a maior parte das uretrites é causada pelo contato sexual, a forma de prevenção mais eficaz é a utilização de preservativo.

Se algum sintoma for identificado, é importante procurar um médico e evitar o contato sexual, pois há grandes riscos de transmissão da infecção.

As uretrites com maior prevalência são as bacterianas, que podem ser gonocócicas, causadas pela bactéria Neisseria gonorrhoeae, ou não gonocócicas, causadas por outros agentes, como a Chlamydia trachomatis e a Escherichia coli.

Existem também outras causas da doença, como, por exemplo:

Uretrites gonocócicas

Uretrite

Uretrite

As uretrites gonocócicas são causadas pela bactéria Neisseria gonorrhoeae, causadora da gonorreia. Essa doença é mais prevalente em homens, pois o canal da uretra é o mesmo para a eliminação da urina e do sêmen durante a ejaculação, portanto a contaminação é mais fácil.

Esse tipo de uretrite provoca sintomas mais agressivos e podem diferir entre homens e mulheres.

No homem:

Na mulher:

Na mulher, os agentes causadores da uretrite podem passar pelo colo do útero e entrar na cavidade uterina, o que pode provocar a doença inflamatória pélvica (DIP) e outras complicações. O tratamento não deve ser protelado.

O diagnóstico é feito baseado na descrição dos sintomas, que geralmente são claros. Em casos inconclusivos, geralmente são solicitados exames de urina e de análise de secreção da uretra.

Uretrites não gonocócicas

As uretrites não gonocócicas são causadas, principalmente, pelas bactérias Chlamydia trachomatis e Escherichia coli, que geralmente não manifestam sintomas como as uretrites gonocócicas, dificultando o diagnóstico e favorecendo a disseminação da doença. Quando causam sintomas, eles demoram mais a aparecer e são mais leves, portanto a doença pode já ter sido transmitida.

O diagnóstico das uretrites não gonocócicas também é feito a partir da manifestação dos sintomas, que nem sempre estão evidentes.

Em qualquer caso, é importante procurar auxílio médico e iniciar o tratamento o mais rápido possível, porque as chances de transmissão pelo contato sexual são altas.

Tratamento

Como na maioria dos casos a uretrite é causada por bactérias, o tratamento é feito com antibióticos.

É importante que o casal procure tratamento simultaneamente e evite o contato sexual durante o tratamento, pois tanto o homem como a mulher podem se reinfectar, mesmo depois de um tratamento bem-sucedido. Portanto, a prevenção é fundamental.

Se a infecção não for tratada adequadamente, pode causar infertilidade e outras complicações.

Compartilhe:

Faça um comentário
Se inscrever
Notificação de
14 Comentários
mais antigo
o mais novo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Fábio Augusto
1 ano atrás

Quais são as causas de uretrites não gonocócicas?quais vírus transmitem essa doença?

Admin
Dra. Adriana de Góes
1 ano atrás
Reply to  Fábio Augusto

Olá Fabio. As uretrites não gonocócicas podem ser causadas por diferentes tipos de germes, como a Clamídia ou Trichomonas. O contágio acontece através de contato sexual com o parceiro/a.

Thiago
1 ano atrás

É possível aparecer a uretrite depois de 3 semanas do ato sexual sem o preservativo?

Admin
Dra. Adriana de Góes
11 meses atrás
Reply to  Thiago

Olá Thiago, a uretrite pode surgir a qualquer momento pois ela pode não estar relacionada a relação sexual, muitas vezes está relacionada a um traumatismo.

Patrícia Maria dos Santos
9 meses atrás

Boa tarde! Se o homem apresentar a uretrite, necessariamente a mulher também vai estar infectada?

Admin
Dra. Adriana de Góes
9 meses atrás

Olá Patricia, não necessariamente, porém é necessária a investigação da causa da uretrite para saber se há possibilidade ou não de infecção. Obrigada por acompanhar o blog! Espero ter ajudado.

6 meses atrás

Doutora já passei pelo clínico,
Tomei metronizadol,azitromicina dose unica,depois cefalexina e nana.meus exames de uricultura hemograma e urina deram tudo normal.fis exames de dst.so tou com uma herpes.fui ao urologista semana passada expliquei tudo pra ele.ele me passou munoril,cepurim e duas benzentacil de 1200.nao tenho corrimento,mas tô indo ao banheiro muitas vzs e ardência.ja não sei mas oq fazer.

6 meses atrás

Estou com. Uretrite já tomei uns 5 antibióticos e fiz hemograma,uricultura e urina.deuntudo ok.ainda não melhorei,agora tô com urilogista,expliquei tudo pra ele,ele falou que tomei muito antibiótico e atrapalha no tratamento.ae passou monuril,cepurim,e duas benzentacil.e passou novamente urictura e urina.mas aínda tô urinando muito e com pouco de ardencia.ja não sei mas o que fazer.

Admin
Dra. Adriana de Góes
6 meses atrás

Olá Tiago, tudo bem?!
O mais indicado é passar com o médico especialista para uma avaliação e exames.
Se for homem, deve passar com o Urologista.
Se for mulher, deve passar com a Ginecologista.
O profissional especializado poderá realizar uma melhor avaliação individual e presencialmente.
Abraço, Dra. Adriana

6 meses atrás

Doutora tô assim uns três meses.ja tomei uns 3 antibióticos pelo clínico.meus exames tavam normal.sangue,urina,uricultura.fiz dst.abaobresolvel,agora tô com urologista,ele receitou munoril.cepurim,e duas benzentacil.tomeibtudo.ainda sinto um pouco de ardencia e tou urinando muito.so volto no medico dia 28.com novo exame de urina e uricultura.vou acaba morrendo e ninguém resolver meu problema.

Fabiana soares
3 meses atrás

Boa tarde eu tenho todos esses sintomas mas 4anos q vou ao médico e ninguém conseguem descobrir oq tenho ,não aguento mas sentir dores ao urinaroq devo fazer ?

Admin
Dra. Adriana de Góes
3 meses atrás
Reply to  Fabiana soares

Olá, Fabiana! Tudo bem?

Se o desconforto urinário persiste há quatro anos, não é normal. Procure a ajuda de um médico especialista Urologista ou Uroginecologista para fazer a avaliação e efetivamente tratar o problema.

Espero que consiga encontrar a causa e tratar! Boa sorte!

Wadson
2 meses atrás

Olá Dra. Estou sentindo uma coceirinha no canal da uretra e um pouco de ardência ao urinar . De manhã qd acordo eu aperto o penis e sai um líquido pouco amarelo. Tive o mesmo problema a dois anos atrás. Fiz tds os exames e deu td normal. Antes dos exames os três médicos q me consultei me receitaram injeção antibióticos etc. Tomei a toa pq fui tratado como se estivesse com uma DST. Mas os exames revelaram q não tinha bactéria. Por fim os sintomas foram diminuindo por si só. E agora voltou de novo. Oq será q tenho… Ler mais »

Admin
Dra. Adriana de Góes
1 mês atrás
Reply to  Wadson

Boa tarde, Wadson.

Não é possível fazer um diagnóstico apenas pelo seu relato, o ideal é procurar um urologista. Só ele pode pedir ps exames e assim indicar o melhor tratamento.

Abraços, Dra Adriana de Góes.

Histeroscopia cirúrgica: o que ela pode tratar?

Neste post você vai conhecer a técnica que possibilita o tratamento de diversas condições que afetam o útero. É só tocar aqui.

Leia +

Contato

Rua do Rócio, 423 - Conjunto 1.406 Vila Olímpia | São Paulo-SP CEP 04552-000

(11) 4750-1170

(11) 99507-9291

Scroll