Dra. Adriana de Góes | Reprodução Humana SP Menu.
Reprodução Humana

Ressonância nuclear magnética

A ressonância nuclear magnética (RNM) é um exame de imagem de alta precisão utilizado em muitas especialidades médicas para investigação de patologias ou outras alterações na parte interna do corpo humano.

A RNM é capaz de registrar imagens em alta resolução de cortes anatômicos e de processos fisiológicos para diagnóstico de diversas doenças. No âmbito da reprodução assistida, a RNM é utilizada para investigação da infertilidade. É indicada a RNM da pelve feminina, que examina diversos órgãos, como útero, tubas uterinas, ovários, bexiga, intestinos, entre outros.

A máquina de RNM tem um formato cilíndrico no sentido horizontal com ambas as extremidades abertas. Ela utiliza campos magnéticos para formar imagens dos órgãos examinados. A RNM não emite radiação, mas o aparelho tem um campo magnético amplo. Esse exame não está indicado para mulheres grávidas, mas em situações excepcionais isso pode acontecer.

Neste texto, vamos falar sobre a ressonância nuclear magnética, as indicações e como é feito o exame.

Indicações

A RNM é um exame com amplas indicações. Ela pode ser solicitada para a investigação e diagnóstico de inúmeros problemas.

Na reprodução assistida, é indicada para avaliar a fertilidade da mulher, caso outros exames, como a ultrassonografia pélvica (transvaginal ou suprapúbica) não tenham sido conclusivos para definir o diagnóstico do fator responsável pela infertilidade. A RM identifica:

Os resultados do exame orientam a conduta terapêutica para o tratamento dos fatores relacionados com a infertilidade.

Como é feito o exame

A RNM tem um alto grau de complexidade e produz imagens detalhadas. Antes do exame, é indicado uso de laxantes e alimentação leve para reduzir as interferências do conteúdo intestinal na análise das imagens obtidas.

Antes da realização do exame, no entanto, a paciente deve retirar todos os objetos de metal que esteja usando, pois a RNM utiliza campos eletromagnéticos para produzir as imagens, e o campo magnético gerado funciona com um ímã, podendo atrair metais

Alguns dos objetos mais utilizados e que devem ser removidos antes do exame são: relógio, óculos, joias, grampos de cabelo, entre muitos outros.

O campo eletromagnético também pode afetar o funcionamento de marca-passos e de implantes auditivos ou oculares, portanto a indicação precisa ser bem avaliada nesses casos.

Depois de retirados todos os objetos que podem interferir no exame, a paciente é levada até a mesa do equipamento, no qual permanece deitada. A mesa desliza em direção ao cilindro no interior da máquina.

Em casos de pacientes claustrofóbicos, há dificuldade para entrar na máquina. Nessa eventualidade, o exame pode ser realizado sob efeito de sedação para facilitar a realização do procedimento.

A paciente também não pode se mexer durante o exame porque pode distorcer as imagens. Nesses casos, também é possível realizar o exame sob efeito de sedação.

Depois de toda essa parte concluída, o profissional explica para a paciente que ela pode falar com ele pelo microfone da própria máquina, caso sinta algum desconforto durante o exame.

A RNM apenas começa, de fato, quando a mulher cumpre todo o ritual até esse momento, quando é levada para dentro do aparelho.

Com a paciente bem posicionada na máquina, é gerado um campo eletromagnético forte ao redor dela e são emitidas ondas de radiofrequência, que vão examinar os órgãos a serem avaliados.

Essas ondas emitidas conseguem interagir com as células, mapear os órgãos indicados e produzir as imagens necessárias para o diagnóstico do caso.

Dependendo da investigação proposta, pode ser utilizado contraste. Esta substância é fundamental para aumentar a acurácia do exame e evidenciar alterações, que não seriam observadas sem este recurso.

A duração do exame é de aproximadamente 15 minutos a 1 hora, dependendo do grau de complexidade e extensão da região avaliada.

Compartilhe:

Faça um comentário
Se inscrever
Notificação de
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Aborto espontâneo e aborto de repetição

Abortamento espontâneo é o nome dado ao processo de morte embrionária ou fetal não induzida, […]

Leia +

Contato

Rua do Rócio, 423 - Conjunto 1.406 Vila Olímpia | São Paulo-SP CEP 04552-000

(11) 4750-1170

(11) 99507-9291

Scroll